portal seguro e saúde

Conheça o vírus da gripe chikungunya e os sintomas da doença

Em:14/03/16 Por:barela

A febre chikungunya (ou gripe está na pauta dos brasileiros porque, como outras doenças discutidas atualmente, também é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Além disso, tem sintomas semelhantes à dengue com a diferença de evoluir para um ataque às articulações do paciente.

O vírus da febre chikungunya (CHIKV, da família Togaviridae) foi isolado inicialmente em 1950, na Tanzânia. O nome chikungunya vem do dialeto Makonde, daquele país, e significa “aqueles que se dobram” por suas consequências nas juntas dos doentes.

Até 2004, os casos ficaram praticamente restritos a algumas regiões africanas. Então se propagou para as ilhas do Oceano Índico e Índia. Naquele país, em 2006, mais de 1 milhão de pessoas foram infectadas. Já em 2007 a doença foi verificada na Europa e em 2010 haviam doentes nos EUA e Brasil.

Em 2015, o Ministério da Saúde informou 20.662 casos suspeitos por aqui contra 3.657 em 2014.

Causas

A febre chikungunya é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti que, após picar alguém contaminado, carrega o vírus CHIKV durante toda a sua vida (aproximadamente 45 dias) passando a doença para grupos sem anticorpos. Não há transmissão de pessoa para pessoa.

O ciclo ocorre da mesma maneira que o da dengue, com a fêmea desovando em recipientes com água onde as larvas vivem por cerca de uma semana. Após esse período ficam adultas e prontas para voar e picar as pessoas. Após a picada, a doença demora entre dois a doze dias para se manifestar.

Incidência e sintomas

Raramente a transmissão acontece em temperaturas abaixo de 16° C, sendo mais comum entre de 30° a 32° C, por isso a incidência em áreas tropicais.

Sintomas de Febre Chikungunya

O período de incubação da febre chikungunya varia de dois a 12 dias. Muitas pessoas infectadas com CHIKV não apresentarão sintomas. O quadro clínico é muito semelhante ao da dengue, e os sintomas de febre chikungunya são:

– Febre

– Dor nas articulações

– Dor nas costas

– Dor de cabeça.

-Outros sintomas incluem:

  • Erupções cutâneas
  • Fadiga
  • Náuseas
  • Vômitos
  • Mialgias.

Os sintomas comuns de chikungunya são graves e muitas vezes debilitantes, sendo as mãos e pés mais afetados. No entanto, pernas e costas inferiores frequentemente podem estar envolvidas.

Diagnóstico

É feito por meio de análise clínica e exame sorológico (de sangue). Para diferenciar febre chikungunya da dengue, outros exames podem ser feitos:

– Testes de coagulação

– Eletrólitos

– Hematócrito

– Enzimas do fígado

– Contagem de plaquetas

– Teste do torniquete

– Raio X do tórax para demonstrar efusões pleurais.

Tratamento

Não existe um tratamento específico para a doença. Os cuidados incluem muito líquido para evitar a desidratação e, caso haja dores e febre, algum medicamento antitérmico, como o paracetamol. Em alguns casos, é necessária internação para hidratação endovenosa e, nos casos graves, tratamento em unidade de terapia intensiva.

Como na dengue, devem ser evitados medicamentos à base de ácido acetilsalicílico (aspirina) ou que contenham a substância associada, pois eles têm efeito anticoagulante e podem causar sangramentos. Outros anti-inflamatórios não hormonais (diclofenaco, ibuprofeno e piroxicam) também não são recomendados pelo risco de sangramentos.

Após os primeiros dez dias, a maioria dos pacientes sentirá uma melhora na saúde geral e na dor articular. Porém, após este período, uma recaída dos sinais pode ocorrer com alguns pacientes reclamando de vários sintomas reumáticos. Isso é muito comum entre dois e três meses após o início da doença. Alguns pacientes também podem desenvolver distúrbios vasculares periféricos, como a síndrome de Raynaud. Além dos sintomas físicos, a maioria dos pacientes reclama de sintomas depressivos, cansaço geral e fraqueza.

Prevenção

Como na dengue, a prevenção é evitar a reprodução do mosquito Aedes aegypti.

Comentários

Solicite seu
Orçamento Online

Solicite um orçamento online dos produtos comercializados pela Barela de modo simples e prático. Preencha os campos ao lado e envie o seu pedido. Em breve, nossa equipe entrará em contato.

  • 20 anos de experiência de mercado.
  • As maiores operadoras e seguradoras nacionais.
  • 500 mil clientes entre empresas e pessoas físicas.
  • Sim Não