O que são Doenças e Lesões Preexistentes e CPT?

 em Sua Empresa

As doenças e lesões preexistentes (DLP) são problemas de saúde que o beneficiário ou seu representante legal tem conhecimento da sua existência ao contratar um plano de assistência médica, de acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

As operadoras não podem recusar a inclusão de um cliente por causa desses problemas, mas eles podem gerar restrições à cobertura do plano de saúde – a chamada Cobertura Parcial Temporária (CPT).

Qual a diferença entre carência e cobertura parcial temporária (CPT)?

As operadoras de saúde são obrigadas a cobrir todos os procedimentos previstos no Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde, de acordo com a segmentação contratada, desde que cumpridos os prazos de carência.

Nos casos de doenças ou lesões pré-existentes, a cobertura para cirurgias, leitos de alta tecnologia e procedimentos de alta complexidade poderá sofrer restrição temporária de até 24 meses, prazo máximo definido pela ANS.

É importante lembrar que omitir uma DLP na contratação do convênio é fraude, e o beneficiário estará sujeito a suspensão ou rescisão do contrato!

Mas fique tranquilo, isso não quer dizer que você não poderá utilizar o plano para tratar uma doença que já existia antes da contratação. Basta negociar com a operadora o pagamento do Agravo, um acréscimo à mensalidade que garante o tratamento ainda no período de carência ou CPT.

Também pode interessar:

 

CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA PLANOS DE SAÚDE, PEÇA SUA COTAÇÃO!

calculadora preço plano de saúde empresarial